Análise: Trine

Trine topo post copy

Lançado em 2009 Trine chamou a atenção pelos seus belos gráficos, jogabilidade simples e casual.
Trine foi criado pela empresa finlandesa “Frozenbyte” e lançado em 2009, o game atualmente esta disponível para Mac, Linux, Pc, xbox 360 e ps3, Chamou atenção pelos seus belos Gráficos e jogabilidade simples e casual, ele é todo no estilo side-scrolling com elementos de rpg.

sinopse trine

Em um reino distante onde a paz reinava o rei já velho acaba falecendo, o rei não possuía nenhum herdeiro para ocupar o trono, isso faz com que o caos se instale em todo reino, muitos lutavam pelo trono, a magia que cercava o reino que trazia fartura beleza, acabou corrompida por algum motivo e transformou em algo sinistro, que acabou fazendo com que os mortos começarem a se levantar de suas covas dia apos dia.
A durante a aventura toda a estoria é narrada como em conto de fadas, a dublagem é muito boa lembrando também e que Trine Possui legendas em português do brasil; logo de inicio é nos apresentado três protagonistas, um mago, uma ladra e um guerreiro, um grupo básico de um rpg, bem vamos falar um pouco de cada um.

trine personagens

O mago Amadeus, ele não possui nenhum talento convencional de um mago que estamos acostumados ou seja sem magias de raios, ou bolas de fogo, bem principalmente bolas de fogo, mas Amadeus tem um grande talento para conjuração de objetos, como caixas e pontes e também na manipulação dos mesmo ou de outros objetos no cenário, podendo os fazer flutuar para onde ele bem quiser. 

A Zoya é a ladra do grupo, ela usa um arco e flecha e um gancho ao qual pode se pendurar em alguns lugares que possuem madeira, Zoya é a mais rápida e ágil do grupo.
O ultimo é Pontius o cavaleiro, ele como um clássico guerreiro usa uma espada e um escudo, o escudo serve tanto para defesa de inimigos, quanto para defesa de projeteis de fogo, flechas entre outras coisas, ele também é mais lento e pesado do grupo.
Os três acabam encontrando o Objeto “trine” o artefato que tem o poder de unir almas, e os três acabam presos juntos em uma unica entidade por assim dizer.

notas de analizes jogabilidade

A jogabilidade é bem simples com apenas alguns toques de algumas teclas ou botões, você pode facilmente trocar de personagem, assim executando rapidamente um serie de ações para passar de fases, um das coisas mais legais de trine é a possibilidade de passar quase todo o cenário de forma diferentes, deixando a cargo da criatividade do jogador para solucionas diversos quebra cabeças de maneiras diferentes.O game também possui alguns problemas com umas animações de movimentos, como no caso com gancho de Zoya mas nada que acabe ofuscando o brilho do game.

notas de analizes itens

Game também conta com alguns itens que podem ser coletados em alguns cenários, que dão alguns certos atributos que podem ser equipados em qualquer um dos Três personagens, assim  você pode criar  a sua build para cada personagem do jeito que achar melhor ( Build = Combinações de equipamento ou habilidades de forma a adquirir o melhor resultado para você )

Multiplayer trine

A parte que infelizmente ficou a desejar foi o multiplayer, que apenas conta com modo co-op local, onde até três amigos assumem o papel de nossos aventureiros, o multiplayer funciona bem e é bem divertido, é bem legal você e um amigo tentarem fazer algo diferente para conseguir passar uma situação anterior que você avia passado no modo single player só que de modo totalmente diferente.

notas Graficos trine

Os gráficos do game são simplesmente lindos, recriam um ambiente de fantasia medieval, tudo digno de uma aventura de um rpg de mesa, a física do game é muito boa utilizada em quase todos quebra-cabeças, as vezes podem ocorrer alguns probleminhas de colisão com alguns objetos atravessando outros.

notas de analizessom trine

Alem da parte gráfica uma das partes que se destaca é a da trilha sonora, a trilha foi composta por Ari Pulkkinen, ja acabei falando dele em outro post sobre compositores caso queiram ler deixarei o link “AQUI” bem Ari Pulkkinen é um músico e compositor finlandês, ele compôs as musicas de Shadowgrounds e Angry Bird, as musicas tem uma harmonia com cada cenário, os efeitos sonoros são ótimos, desde som dos golpes de Potiuns ao som de Amadeus manipulando algum objeto no ar, isso tudo cria uma imersão unica em um mundo de fantasia, unica coisa que estraga essa imersão talvez seja algumas fases que são longas demais e acabam fazendo você enjoar da fase e da musica do cenário.

nota final trine

O game conta com mais de 10 horas de duração, não é um game perfeito mas cumpri bem o papel em todos em todos os pontos que ele tem a oferecer, Trine é um game simples e belo, uma aventura curta e bem contada que vai te fazer querer mais e mais desse pequeno universo de fantasia.

 






postado em by levelcom categoria Análise

Adicionar um comentário